Abertura de Empresa :: São Paulo


19-09-2008

Gostaria de um plano de contas para usar no Simples Nacional?

« Quanto tempo demora para abertura de empresa de serviços de informática? | Main | Gostaria de saber qual é o capital minimo fixado pela CMN e quais os documentos necessarios para a abertura de empresa comerciais exportadoras/trading? »

O Plano de Contas Simplificado deve conter, no mínimo, o elenco de contas descrito no Anexo I da Resolução CFC 1.115 de 14 de dezembro de 2007

Plano de Contas Simplificado

Elenco de Contas

Códigos

Nome das contas

1

 

1.1

1.1.1

1.1.1.01

1.1.2

1.1.2.01

1.1.3

1.1.3.01

1.1.3.02

1.1.3.09

1.1.4

1.1.4.01

1.1.4.02

1.1.4.03

1.1.4.04

 

1.2

1.2.1

1.2.1.01

1.2.1.02

 

1.3

1.3.1

1.3.1.01

1.3.2

1.3.2.01

1.3.2.02

1.2.3.03

1.2.3.04

1.2.3.05

1.2.3.10

1.2.3.11

 

2

 

2.1

2.1.1

2.1.1.01

2.1.1.02

2.1.1.03

2.1.2

2.1.2.01

2.1.2.02

2.1.3

2.1.3.01

 

ATIVO

 

ATIVO CIRCULANTE

Caixa

Caixa Geral

Bancos C/Movimento

Banco A

Contas a Receber

Clientes

Outras Contas a Receber

(-) Provisão para Créditos de Liquidação Duvidosa

Estoque

Mercadorias

Produtos Acabados

Insumos

Outros

 

REALIZÁVEL A LONGO PRAZO

Contas a Receber

Clientes

Outras Contas

 

PERMANENTE

INVESTIMENTOS

Participação em Cooperativas

IMOBILIZADO

Terrenos

Construções e Benfeitorias

Máquinas e Ferramentas

Veículos

Móveis

(-) Depreciação Acumulada

(-) Amortização Acumulada

 

PASSIVO

 

CIRCULANTE

Impostos e Contribuições a Recolher

SIMPLES NACIONAL

INSS

FGTS

Contas a Pagar

Fornecedores

Outras Contas

Empréstimos Bancários

Banco A – Operação X

2.2

2.2.1

2.2.1.01

 

2.3

2.3.1

2.3.2.01

2.3.2.02

2.3.2.

2.3.2.01

2.3.3

2.3.3.01

2.3.3.02

 

3

 

3.1

3.1.1

3.1.1.01

3.1.2

3.1.2.01

3.1.2.02

 

3.2

3.2.1

3.2.1.01

 

3.3

3.3.1

3.3.1.01

3.3.1.02

3.3.1.03

 

3.4

3.4.1

3. 4.1. 01

3.4.1.02

3.4.1.03

 

3.5

3.5.1

3.5.1.01

 

4

 

4.1

 

4.1.1

4.1.1.01

4.1.1.02

4.1.1.03

 

4.1.2

4.1.2.01

4.1.2.02

  

4.2

4.2.1

 

4.3

4.3.1

4.3.1.01

EXIGÍVEL A LONGO PRAZO

Empréstimos Bancários

Banco A – Operação X

 

PATRIMÔNIO LÍQUIDO

Capital Social

Capital Social Subscrito

Capital Social a Realizar

Reservas

Reservas de Capital

Lucros/Prejuízos Acumulados

Lucros/Prejuízos Acumulados de Exercícios Anteriores

Lucros/Prejuízos do Exercício Atual

 

CUSTOS E DESPESAS

 

Custos dos Produtos Vendidos

Custos dos Materiais

Custos dos Materiais Aplicados

Custos da Mão-de-Obra

Salários

Encargos Sociais

 

Custo das Mercadorias Vendidas

Custo das Mercadorias

Custo das Mercadorias Vendidas

 

Custo dos Serviços Prestados

Custo dos Serviços

Materiais Aplicados

Mão-de-Obra

Encargos Sociais

 

Despesas Operacionais

Despesas Gerais

Mão-de-Obra

Encargos Sociais

Aluguéis

 

Despesas Não Operacionais

Despesas Gerais

Custos Alienação Imobilizado

 

RECEITAS

 

Receita Líquida

 

Receita Bruta de Vendas

De Mercadorias

De Produtos

De Serviços Prestados

 

Deduções da Receita Bruta

Devoluções

Serviços Cancelados

  

Outras Receitas Operacionais

Diversos

 

Receitas Não Operacionais

Diversos

Receita de Alienação Imobilizado 

 

Fundamentação Legal: Resolução CFC n° 1.115 de 14 de dezembro de 2007

publicado por Contabilidade at 9:43 PM in Abertura de Empresas

 

Comment: pedro andriolo at Fri, 27 Mar 12:19 PM

este plano de contas simplificado resolução crc 1115 de 14/12/2007 pode ser usado para qualquer atividade inscrita do simples nacional?
a) nas deduções sobre as vendas brutas, onde eu lanço os pagamento dos DAS Simples Nacional.

Gostaria de receber, se possivel mais informações.

abraços,

Pedro Andriolo

Comment: Planeta Contabil at Fri, 27 Mar 12:39 PM

O Plano de Contas, mesmo que simplificado, deve ser elaborado levando em consideração as especificidades, porte e natureza das atividades e operações a serem desenvolvidas pela microempresa e empresa de pequeno porte, bem como em conformidade com as suas necessidades de controle de informações no que se refere aos aspectos fiscais e gerenciais.

A permissão legal de adotar uma escrituração contábil simplificada não desobriga a microempresa e a empresa de pequeno porte a manter escrituração contábil uniforme dos seus atos e fatos administrativos que provocaram ou possam vir a provocar alteração do seu patrimônio.

A escrituração contábil deve ser realizada com observância aos Princípios Fundamentais de Contabilidade e em conformidade com as disposições contidas nesta norma, bem como na NBC T 2.1, NBC T 2.2, NBC T 2.3, NBC T 2.4, NBC T 2.5, NBC T 2.6, NBC T 2.7 e NBC T 2.8, excetuando-se, nos casos em que couber, as disposições previstas nesta norma no que se refere a sua simplificação.

O Plano de Contas Simplificado deve conter, no mínimo, 04 (quatro) níveis, conforme segue:

(a) Nível 1: Ativo, Passivo, Patrimônio Líquido, Receitas, Custos e Despesas.

(b) Nível 2: Ativo: Circulante, Realizável a Longo Prazo e Permanente. Passivo e Patrimônio Líquido: Circulante, Passivo Exigível a Longo Prazo e Patrimônio Líquido. Receitas: Receita Bruta, Deduções da Receita Bruta, Outras Receitas Operacionais e Receitas Não Operacionais. Custos e Despesas Operacionais e Não Operacionais.

(c) Nível 3: Contas que evidenciem os grupos a que se referem, como por exemplo:
Nível 1 – Ativo
Nível 2 – Ativo Circulante
Nível 3 – Bancos Conta Movimento

(d) Nível 4: Sub-contas que evidenciem o tipo de registro contabilizado, como por exemplo:
Nível 1 – Ativo
Nível 2 – Ativo Circulante
Nível 3 – Bancos Conta Movimento
Nível 4 – Banco A

Deve contemplar, pelo menos, a segregação dos seguintes valores:
(a) Receita de Vendas de Produtos, Mercadorias e Serviços;
(b) Devoluções de Produtos, Mercadorias e Serviços Cancelados;
(c) Custo dos Produtos Vendidos;
(d) Custo das Mercadorias Vendidas;
(e) Custo dos Serviços Prestados;
(f) Despesas Operacionais, relativas aos demais gastos necessários à manutenção das atividades econômicas, não incluídas nos custos;
(g) Outras Receitas Operacionais;
(h) Receitas Não Operacionais; e
(i) Despesas Não Operacionais.

Deve conter, no mínimo, o elenco de contas descrito no Anexo I, além de sua função e funcionamento.

Comment: aloisio schelleer at Thu, 21 May 5:06 PM

No caso de despesas operacionais-despesas gerais, pode lançar todo tipo de despesa nesta conta, ou temn que criar conta por conta de despesas tipo desp. c/agua luz, telefone- combustiveis elubrificantes etc...

Comment: Planeta Contabil at Thu, 21 May 5:22 PM

Ola Aloisio,

Vamos partir do principio que a contabilidade tem a finalidade de ser um instrumento de apoio administrativo/financeiro. Entendo que é importante para administrador saber onde esta sendo gasto, investido, aplicado os recursos da empresa. Para isso se faz necessario detalhar as despesas. Nao podemos ter a contabilidade como uma obrigacao acessoria mas sim como uma ferramenta de apoio administrativo e de tomada de decisao. Portanto, respondendo a sua pergunta, sim, é necessario criar as contas analitas e detalhar as despesas.

Seu Comentário:

(não será divulgado)
 
 
 

Visualizar Comentário:

 
« Setembro »
SegTerQuaQuiSexSábDom
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930